UX Design, 10 de Março de 2017

5 características fundamentais de usabilidade em aplicativos móveis

mesa-admin

Mesa Mobile Thinking

Você já ouviu falar da usabilidade em aplicativos móveis? Sabe o quanto ela é importante? Pois saiba que esta é uma questão fundamental para a qualidade do produto final. Por isso, neste artigo, conversaremos sobre este assunto e mostraremos o quanto ele é importante. Confira!

A usabilidade em aplicativos móveis

Se pensarmos na etimologia da palavra, podemos definir a usabilidade como uma característica de algo que é usável. Nos aplicativos móveis, trata-se daquilo que é simples e funcional, sempre considerando as necessidades do usuário e também o contexto no qual ele está inserido.

Numa abordagem mais técnica, temos o seguinte: a norma ISO 9241-11 aponta que a usabilidade relaciona-se com a eficiência, a efetividade e a satisfação de quem utiliza um determinado produto e/ou serviço, determinando o atingimento de objetivos específicos em ambientes particulares.

5 características da usabilidade em aplicativos móveis

A Nielsen, líder global em pesquisas de mercado e ferramentas de análise, definiu cinco características da usabilidade que podem ser aplicadas em aplicativos móveis. São elas:

1. Eficiência
Os recursos gastos em relação à exatidão e à integridade com a qual os usuários alcançam suas metas.

2. Satisfação
Liberdade de desconforto e atitudes positivas em relação à utilização do produto.

3. Apreensibilidade
O aplicativo deve ser fácil de aprender de modo que o indivíduo possa iniciar rapidamente a utilização.

4. Memorização
O sistema deve ser fácil de lembrar para que o usuário casual seja capaz de retornar a ele após algum período sem utilizá-lo (sem ter que reaprender a manejá-lo).

5. Erros
O sistema deve ter uma baixa taxa de erro, de modo que os usuários possam cometer algumas falhas durante seu o uso e tenham a possibilidade de recuperar facilmente a utilização a partir delas. Além disso, os erros graves não devem acontecer.

Na abordagem dos dispositivos móveis, estas cinco características também são frequentemente identificadas como: design intuitivo e/ou interface do usuário, facilidade de aprendizagem, eficiência de uso, memorabilidade, prevenção de erro e satisfação do usuário.

A engenharia de usabilidade em aplicativos móveis

Para atingir estas características, há uma área do conhecimento que vem ganhando força nos últimos tempos, chamada apropriadamente de engenharia de usabilidade. Ela nada mais é do que o processo de identificação das necessidades dos usuários para garantir que um produto possa alcançar metas específicas de forma eficaz, o que resulta em satisfação geral e sucesso.

Além do estudo da aplicação em si, compõem este processo a própria engenharia do software e o desenvolvimento das telas (a interface do usuário).

Em outras palavras, para atenuar os problemas dos usuários e garantir que o produto está trabalhando para o seu público-alvo, é preciso, cada vez mais, que o desenvolvedor se aventure no mundo da engenharia de usabilidade.

Os benefícios da usabilidade em aplicativos móveis

Considerando que vários estudos já apontaram que o usuário médio leva cerca de 50 milissegundos para formar uma opinião sobre um produto on-line, a usabilidade em aplicativos móveis é fundamental para o sucesso deste.

Isso porque os julgamentos dos usuários moldam as percepções e podem afetar o alcance dos objetivos do aplicativo e o próprio desempenho comercial. Afinal, se não é fácil de utilizar, ninguém vai querer comprar.

Como você tem trabalhado a usabilidade em aplicativos móveis em seus projetos de desenvolvimento? Deixe o seu comentário!

mesa-admin

Mesa Mobile Thinking

Comentários

Categorias

Arquivo

Instagram

Siga-nos!

Facebook

Veja Também
VISITE NOSSO SITE

Mesa - Copyright ® 2015